sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

PASSEATA CONTRA O ABORTO

AMIGOS!
Vamos dizer SIM à VIDA!
Vamos dar um NÃO ao Projeto de lei nº 1.135/91!
NÃO ao aborto no Brasil!
Vamos divulgar!
Vamos levar o maior número de pessoas!
Vamos organizar caravanas!
Grande Ato Público de Defesa da Vida!
Dia 28 de março de 2009, sábado.
10 horas,
Praça da Sé, São Paulo, SP.

Bom Carnaval

Nesta segunda, terça e quarta de cinza, época carnavalesca, não é feriado, repito não é feriado. Evidente que como diversos comércios param outros entendem na fazer sentido darem expedientes, dispensando assim seus funcionários. Mas para aqueles como eu que terá que trabalhar, receberam como dobrado, como se fosse feriado.
Abraços e desejo a todos um ótimo carnaval, lembrando que se beber não dirijam, e se for dirigir não beba.

2º AÇÃO SOCIAL AVDR

Olá amigos, a 2ª Ação Social AVDR, já está programada para acontecer no dia 09 de Maio, na Escola Pedro Teixeira, bairro de São Miguel, zona leste.
Se você puder participar oferecendo algum tipo de serviço (essencial para o nosso evento) por favor não hesite, fale conosco.
No ano de 2008, realizamos a 1ª Ação Social AVDR, e conseguimos reunir pelo menos uns trinta parceiros e atender próximo de 500 pessoas. Tivemos o patrocínio da Auto Escola Sim.
Nosso fone continua o mesmo. (11) 2051-8910 / 9591-7276 / 3455 – 5841 e e-mail: avdr@avdr.com.br – Responsável pelo evento: D. Ribeiro.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Senador denúncia corrupção à Veja

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) reafirmou nesta segunda-feira (16) as críticas que fez a seu partido na entrevista à revista "Veja" e disse que não sairá do PMDB. Para ele, a entrevista tem como objetivo apenas “abrir o debate". Jarbas não quis dizer quem integra a “boa parte do PMDB” que só “quer corrupção” porque não é “auditor".
Jarbas se mostrou tranquilo com a permanência no PMDB, apesar de reconhecer estar “desconfortável” dentro do partido. Além de garantir que não sairá, afirmou ainda que não será expulso do PMDB, mesmo que um processo disciplinar seja aberto.
O senador pernambucano afirmou que mantém o diálogo com o presidente do partido e da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), mas irá se recusar a participar de reuniões convocadas pelo líder do partido, Renan Calheiros (PMDB-AL), ou de encontro com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). “Com a presidência do partido tenho diálogo. Agora, do gabinete do senador Renan e do senador Sarney vou procurar passar ao largo."
Sobre a nota do PMDB, que qualifica a entrevista de “desabafo” e diz que suas críticas não merecem atenção, o senador qualificou como “respeitosa” com sua história no partido, do qual é fundador. Para ele, o partido se perdeu no caminho da corrupção “nos últimos dez anos”.
Para Jarbas, a entrevista tem a função de abrir um debate dentro do partido, e na sociedade, sobre corrupção e disser ser equívoco esperar que apresente nomes. “Ofereci uma peça inicial, a entrevista à revista 'Veja'. Não tiro uma virgula, uma linha, tudo o que eu disse ao repórter foi fiel. Exigir de mim que eu tenha uma lista no bolso, que eu vá apontar corrupto, que eu vá apresentar isso ou aquilo é um equivoco. Não sou auditor."
Sobre o pedido do senador Geraldo Mesquita (PMDB-AC), que deseja saber se é considerado corrupto por Jarbas, o senador pernambucano disse que não irá se manifestar. Afirmou ainda que não se sentiria atingido caso outra pessoa tivesse classificado o PMDB ou o Senado como corrupto ou medíocre. “Se algum colunista ou jornalista disser que o Senado está completo de mediocridade e corrupção, eu não vestiria a carapuça."

Senador Romeu Tuma ocupa o cargo há 14 anos.

Primeiro e único corregedor do Senado, Romeu Tuma (PTB-SP) foi escolhido pelo presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), para continuar no cargo que ocupa há 14 anos. Ele é ex-diretor da Polícia Federal, ligado ao ex-diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), o delegado da PF, Paulo Lacerda, que também é amigo de Sarney. Quem quiser agradar ao senador Tuma deve chamá-lo de “xerife”.
Foi com esse título, diz na sua página da internet, que ele passou a ser “conhecido pelo povo”, após 40 anos de atividades policiais. Porém, no cargo de corregedor, em sete mandatos de dois anos, nem de longe Tuma se comportou como o xerife do Senado.
Nos cinco processos abertos em 2007 contra o ex-presidente do Senado e hoje líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), o corregedor Tuma deu entrevistas ameaçando fazer duras investigações e cobranças, mas, na prática, não fez nada. Adotou o mesmo comportamento quando procurou o juiz Roberval Belinati, da 1ª Vara de Justiça do Distrito Federal, para tratar do inquérito contra o recém-nomeado senador Gim Argello (PTB-DF), que assumira no lugar de Joaquim Roriz (PMDB-DF), que renunciou para fugir da cassação.
Roriz e Argello eram investigados no caso BRB (Banco de Brasília) por suspeita de recebimento de propina - por causa do desconto de um cheque de R$ 2,2 milhões, do empresário Nenê Constantino, sem prova de que o pagamento tenha sido feito por algum tipo de serviço prestado. Eles negam.
Tuma esteve três vezes com o juiz e sempre deu entrevistas dizendo haver indícios que mereciam uma investigação séria - ao mesmo tempo, Argello reunia-se a portas fechadas com o filho do corregedor, o então deputado Robson Tuma (PTB-SP). No final, o corregedor deixou pronto para ser lido em plenário, antes de viajar para São Paulo, um parecer inocentando Argello. Disse que o cheque foi descontado quando Argello ainda não havia assumido o mandato.

ARROGÂNCIA
Um jovem muito arrogante, que estava assistindo a um jogo de futebol, tomou para si a responsabilidade de explicar a um senhor já maduro, próximo dele, por que era impossível a alguém da velha geração entender esta geração. 'Vocês cresceram em um mundo diferente, um mundo quase primitivo',
o estudante disse alto e claro de modo que todos em volta pudessem ouvi-lo.
'Nós, os jovens de hoje, crescemos com televisão, aviões a jato, viagens espaciais, homens caminhando na Lua, nossas espaçonaves tendo visitado Marte. Nós temos energia nuclear, carros elétricos e a hidrogênio, computadores com grande capacidade de processamento e ...,' numa pausa para tomar outro gole de cerveja. O senhor se aproveitou do intervalo do gole para interromper a liturgia do estudante em sua ladainha e disse:
'Você está certo, filho. Nós não tivemos essas coisas quando nós éramos jovens... por isso nós as inventamos. E você, um bostinha arrogante dos dias de hoje, o que você está fazendo para a próxima geração?'Foi aplaudido ruidosamente!ESTA MENSAGEM É PRA REPASSAR MESMO!!!

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Atividade de Fevereiro

Em nome da AVDR – Associação Voluntária Douglas Ribeiro, agradeço a todos que participaram de nossa atividade de fevereiro, (Bazar, Feira do Livro e do Artesanato, e festa do sorvete). Em março teremos mais, aos que não puderam vir, estaremos lhe aguardando.
Dessa vez não fizemos registro fotográfico mas da próxima faremos e com você junto.
Abraços afetuosos

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Nova estação de trem em São Miguel

São Miguel Paulista terá nova estação da CPTM o projeto básico para construção da nova estação de trens metropolitanos de São Miguel Paulista está pronto.
O edital para contratação da empresa que executará a obra deve ser lançado em 19 de março.
A informação foi transmitida pela Secretaria de Estado de Transportes Metropolitanos ao deputado Samuel Moreira, que vem lutando pela realização da obra, antiga reivindicação da população.
O deputado continua acompanhando todo o processo de modernização da CPTM e manterá os moradores da Zona Leste da Capital informados sobre o andamento desse projeto.

PALLOCI TEM SEU PROCESSO ARQUIVADO



STF arquiva investigação contra Palocci por suposta contratação irregular



O que todos já sabiam, aconteceu, o ex ministro Palloci, teve seu processo arquivado por falta de provas, isso equivale a quase uma completa absolvisão. Quando o Ratinho dizia na TV, que só ia para a cadeia 3 "p" PUTA, PRETO E PROBRE, ele não estava sendo preconseituoso, estava falando da nossa realidade.

O STF (Supremo Tribunal Federal) arquivou nesta sexta-feira uma investigação que tramitava na Corte contra o deputado Antonio Palocci (PT-SP) por suposta contratação irregular de uma empresa de publicidade na época em que era prefeito de Ribeirão Preto (SP).
A decisão é do ministro Celso de Mello, que acatou parecer do Ministério Público Federal, autor do pedido de investigação contra Palocci. A Procuradoria alegou "ausência de provas contra o parlamentar".
"Além das provas testemunhais afastarem a hipótese de envolvimento do deputado federal Antonio Palocci Filho nos fatos investigados, os documentos juntados não apresentam quaisquer indícios de autoria por parte do mesmo", afirma o procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, em seu parecer.
Ao acatar o entendimento de Souza, Mello ressalta que, "inexistindo, nos autos deste procedimento, elementos que justifiquem o oferecimento de denúncia contra o deputado Antônio Palocci Filho, como expressamente o reconhece o eminente procurador-geral da República [que acentua não haver prova contra o parlamentar em questão], não pode, o Supremo Tribunal Federal, presente tal contexto, recusar o pedido de arquivamento".
Apesar do arquivamento da investigação, Palocci continua sendo investigado no Supremo em outros dois processos: pela suposta quebra de sigilo bancário do caseiro Francenildo Costa e sobre a formação de um possível "caixa dois" eleitoral com dinheiro proveniente de um contrato de coleta de lixo da Prefeitura de Ribeirão Preto.

Aproveite para conhecer o site de nossa amiga, rainha das telemensagens. http://www.telemensagenseterno.com.br/

Aécio x Serra

Política

Itamar diz que Aécio “perde tempo”Em entrevista ao Valor Econômico, o ex-presidente Itamar Franco (sem partido) afirma que o governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), deveria assumir ainda este mês sua candidatura à presidência do Brasil. "Ele tem de chegar e dizer 'Vim, vi e quero vencer'", diz Itamar, que conclama Aécio a atravessar o rio Rubicão, como fez Júlio César para conquistar o poder sobre o Império Romano. Para o ex-presidente, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), já tranpôs o Rubicão e, se quiser ter chance em 2010, Aécio não pode ficar atrás. Itamar, um dos fundadores do PMDB, não confirmou, porém, que o governador mineiro vá deixar os tucanos para evitar um embate direto com Serra pela candidatura.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

FHC PEDE LIBERAÇÃO DA MACONHA


Ex-presidente FHC propõe descriminalizar a maconhaTambém no Globo, uma reportagem mostra que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso defendeu a descriminalização do porte de pequenas quantidades de maconha para consumo pessoal. Ao apresentar o documento da ONG Comissão Latinoamericana sobre Drogas e Democracia, FHC disse que os políticos têm medo de debater o assunto. “Se gasta uma fortuna na guerra às drogas e houve aumento do consumo e da criminalidade. Algo está errado e apelo para uma mudança de paradigma”, afirmou o ex-presidente. Além de FHC, a comissão é liderada por outros dois ex-presidentes: César Gaviria (Colômbia) e Ernesto Zedillo (México).

BANCO X PADARIA

Meu amigo do curso de direito me enviou esta obra prima que publico abaixo

Esta carta foi enviada ao Banco Bradesco, porém devido à criatividade com que foi redigida, deveria ser direcionada a todas as instituições financeiras. Tenho que prestar reverência ao brasileira(o) que, apesar de ser altamente explorada, ainda consegue manter o bom humor. CARTA ABERTA AO BRADESCO
Senhores Diretores do Bradesco,
Gostaria de saber se os senhores aceitariam pagar uma taxa, uma pequena taxa mensal, pela existência da padaria na esquina de sua rua, ou pela existência do posto de gasolina ou da farmácia ou da feira, ou de qualquer outro desses serviços indispensáveis ao nosso dia-a-dia.
Funcionaria assim: todo mês os senhores, e todos os usuários, pagariam uma pequena taxa para a manutenção dos serviços (padaria, feira, mecânico, costureira, farmácia etc).. Uma taxa que não garantiria nenhum direito extraordinário ao pagante.
Existente apenas para enriquecer os proprietários sob a alegação de que serviria para manter um serviço de alta qualidade.
Por qualquer produto adquirido (um pãozinho, um remédio, uns litros de combustível etc) o usuário pagaria os preços de mercado ou, dependendo do produto, até um pouquinho acima. Que tal?
Pois, ontem saí de seu Banco com a certeza que os senhores concordariam com tais taxas. Por uma questão de equidade e de honestidade.
Minha certeza deriva de um raciocínio simples. Vamos imaginar a seguinte cena: eu vou à padaria para comprar um pãozinho. O padeiro me atende muito gentilmente. Vende o pãozinho. Cobra o embrulhar do pão, assim como, todo e qualquer serviço..
Além disso, me impõe taxas. Uma 'taxa de acesso ao pãozinho', outra 'taxa por guardar pão quentinho' e ainda uma 'taxa de abertura da padaria'. Tudo com muita cordialidade e muito profissionalismo, claro.
Fazendo uma comparação que talvez os padeiros não concordem, foi o que ocorreu comigo em seu Banco.
Financiei um carro. Ou seja, comprei um produto de seu negócio. Os senhores me cobraram preços de mercado. Assim como o padeiro me cobra o preço de mercado pelo pãozinho.
Entretanto, diferentemente do padeiro, os senhores não se satisfazem me cobrando apenas pelo produto que adquiri.
Para ter acesso ao produto de seu negócio, os senhores me cobraram uma 'taxa de abertura de crédito' - equivalente àquela hipotética 'taxa de acesso ao pãozinho', que os senhores certamente achariam um absurdo e se negariam a pagar. Não satisfeitos, para ter acesso ao pãozinho, digo, ao financiamento, fui obrigado a abrir uma conta corrente em seu Banco.
Para que isso fosse possível, os senhores me cobraram uma 'taxa de abertura de conta'.
Como só é possível fazer negócios com os senhores depois de abrir uma conta, essa 'taxa de abertura de conta' se assemelharia a uma 'taxa de abertura da padaria', pois, só é possível fazer negócios com o padeirodepois de abrir a padaria.
Antigamente, os empréstimos bancários eram popularmente conhecidos como papagaios'. para liberar o 'papagaio', alguns Gerentes
inescrupulosos cobravam um 'por fora', que era devidamente embolsado.
Fiquei com a impressão que o Banco resolveu se antecipar aosgerentes inescrupulosos. Agora ao invés de um 'por fora' temos muitos 'por dentro'. - Tirei um extrato de minha conta - um único extrato no mês - os senhores me cobraram uma taxa de R$ 5,00. - Olhando o extrato, descobri uma outra taxa de R$ 7,90 'para a manutenção da conta' semelhante àquela 'taxa pela existência da padaria na esquina da rua'. - A surpresa não acabou: descobri outra taxa de R$ 22,00 a cada trimestre - uma taxa para manter um limite especial que não me dá nenhum direito. Se eu utilizar o limite especial vou pagar os juros (preços) mais altos do mundo. - Semelhante àquela 'taxa por guardar o pão quentinho'. - Mas, os senhores são insaciáveis. A gentil funcionária que me atendeu, me entregou um caderninho onde sou informado que me cobrarão taxas por toda e qualquer movimentação que eu fizer.
Cordialmente, retribuindo tanta gentileza, gostaria de alertar que os senhores esqueceram de me cobrar o ar que respirei enquanto estive nas instalações de seu Banco.
Por favor, me esclareçam uma dúvida: até agora não sei se comprei um financiamento ou se vendi a alma? Depois que eu pagar as taxas correspondentes, talvez os senhores me respondam informando, muito cordial e profissionalmente, que um serviço bancário é muito diferente de uma padaria. Que sua responsabilidade é muito grande, que existem inúmeras exigências governamentais, que os riscos do negócio são muito elevados etc e tal. E, ademais, tudo o que estão cobrando está devidamente coberto por lei, regulamentado e autorizado pelo Banco Central.
Sei disso. Como sei, também, que existem seguros e garantias legais que protegem seu negócio de todo e qualquer risco. Presumo que os riscos de uma padaria, que não conta com o poder de influência dos senhores, talvez sejam muito mais elevados..
Sei que são legais. Mas, também sei que são imorais. Por mais que estejam garantidas em lei, voces concordam o quanto são abusivas.!?!
O presidente do Banco Central é o Dr. Henrique Meirelles, banqueiro como sabemos. Quer o quê?
ENTÃO ENVIEM A QUANTOS CONTATOS PUDEREM.VAMOS VER SE MEXE COM A CABEÇA DE QUEM FEZ ESSAS LEIS PARA PENSAREM O QUANTO ESTÃO ERRADOS!!!
Já fiz minha parte publicando para você. . ..


Metrô e Trêm tem uma hora a mais

Fim do horário de verão: Metrô e CPTM vão funcionar por mais uma hora
No próximo sábado, dia 14, com o fim do Horário de Verão, o Metrô e a CPTM - Companhia Paulista de Trens Metropolitanos prestarão serviço por mais uma hora em todas suas linhas. A EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos também operará com partidas extras. Como os relógios serão atrasados em uma hora à meia-noite do sábado, as 55 estações metroviárias e as 89 estações da CPTM permanecerão abertas para embarque para atenderem os usuários que estiverem se deslocando nesse período.

Carnaval 2009, Sacode Itaquera!

A Subprefeitura de Itaquera promove, pelo quarto ano consecutivo, o tradicional carnaval de rua que promete, mais uma vez, sacudir os foliões da região

A quarta edição do Sacode Itaquera, tradicional festa carnavalesca da Zona Leste, vai ser realizada na segunda-feira, 23/2, das 18h às 24h, no cruzamento das avenidas Jacu-Pêssego e Profº João Batista Conti, no Conjunto José Bonifácio. Anualmente, a festa é realizada pela Subprefeitura de Itaquera em parceria com a São Paulo Turismo (SPTuris).

As últimas versões envolveram mais de 60 mil moradores da região que, sem tumultos, desfrutaram de muita música e animação. Novamente, quem subirá ao palco para sacudir a galera, será o Camilinho e a Banda do Ratinho, garantia de sucesso devido ao repertório diversificado, que não deixa ninguém ficar parado.

Os organizadores do evento já estão providenciando toda a estrutura necessária para garantir a diversão do público. Banheiros químicos, iluminação extra, assistência médica, praça de alimentação e muita água estarão à disposição dos foliões. A festa terá acompanhamento direto dos efetivos da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana e Corpo de Bombeiros.

SERVIÇO

Data: 23/2/2009 (segunda-feira)
Horário:18h às 24h
Local: Av. Jacu-Pêssego esquina com Av. João Batista Conti

JORNAL DE FEVEREIRO